PERFIL – Bem vindo à aldeia

Por Maria Fernanda Teixeira – Estão escondidos por cada canto do mundo, são nômades, dispersos ou ciganos. Nas cidades também se espalham, em pequenas vilas que reúnem bandos pequenos. Na Alemanha não passam de 70 mil pessoas, na Romênia são cerca de três milhões, já na Sérvia totalizam 700 mil. Conheça sua cultura e excentricidades. Clique no título para ler mais…

PERFIL – Bem vindo à aldeia

Por Maria Fernanda Teixeira – Estão escondidos por cada canto do mundo, são nômades, dispersos ou ciganos. Nas cidades também se espalham, em pequenas vilas que reúnem bandos pequenos. Na Alemanha não passam de 70 mil pessoas, na Romênia são cerca de três milhões, já na Sérvia totalizam 700 mil. Conheça sua cultura e excentricidades. Clique no título para ler mais…

Mais que um teto e quatro paredes

Por Marina Alves – A casa própria é o sonho de muitas famílias, mas um imóvel não se sustenta apenas em areia, pedra e tijolos. O Paraná tem um déficit de 272.542 moradias, de acordo com a Fundação João Pinheiro. Em Ponta Grossa 15 mil famílias estão cadastradas junto a Companhia de Habitação de Ponta Grossa (Prolar), esperando a chance de ter a casa própria. Clique no título para ler mais…

Mais que um teto e quatro paredes

Por Marina Alves – A casa própria é o sonho de muitas famílias, mas um imóvel não se sustenta apenas em areia, pedra e tijolos. O Paraná tem um déficit de 272.542 moradias, de acordo com a Fundação João Pinheiro. Em Ponta Grossa 15 mil famílias estão cadastradas junto a Companhia de Habitação de Ponta Grossa (Prolar), esperando a chance de ter a casa própria. Clique no título para ler mais…

PERFIL – Uma vida, uma sentença

Por Mariane Nava – “Vou me inscrever para o curso de bombeiros voluntários femininos”. Como a palavra “Vou…” pode mudar a vida de uma pessoa e das que estão ao seu redor de maneira tão rápida? Sempre que uma sentença é iniciada com ela e dita com tanta convicção, a única coisa que se sabe é que algo inesperado está a caminho. Prepare-se. Clique no título para ler mais…

PERFIL – Uma vida, uma sentença

Por Mariane Nava – “Vou me inscrever para o curso de bombeiros voluntários femininos”. Como a palavra “Vou…” pode mudar a vida de uma pessoa e das que estão ao seu redor de maneira tão rápida? Sempre que uma sentença é iniciada com ela e dita com tanta convicção, a única coisa que se sabe é que algo inesperado está a caminho. Prepare-se. Clique no título para ler mais…

E já dizia Fernando Sabino: “da queda um passo de dança”

Por Diandra Nunes – Para quem já fez algum tipo de dança, sabe, que toda aula começa com um alongamento. No Dança Sem Limites não é diferente, a não ser pelo fato que as atividades que são desenvolvidas ali são direcionadas para pessoas que possuem alguma deficiência, seja ela física ou psicológica. As atividades pretendem melhorar a qualidade de vida Clique no título para ler mais…

E já dizia Fernando Sabino: “da queda um passo de dança”

Por Diandra Nunes – Para quem já fez algum tipo de dança, sabe, que toda aula começa com um alongamento. No Dança Sem Limites não é diferente, a não ser pelo fato que as atividades que são desenvolvidas ali são direcionadas para pessoas que possuem alguma deficiência, seja ela física ou psicológica. As atividades pretendem melhorar a qualidade de vida Clique no título para ler mais…

Doença celíaca exige mudança de hábito de toda a família

Por Mariane Nava – Imagine uma dieta que restringe a ingestão de alimentos que contenham farinha de trigo, aveia, centeio, cevada e malte. Quem é celíaco apresenta intolerância à proteína conhecida como glúten que compõe os cereais, eliminando do cardápio, além das massas tradicionais, a tradicional cervejinha gelada de domingo. Clique no título e leia mais…

Doença celíaca exige mudança de hábito de toda a família

Por Mariane Nava – Imagine uma dieta que restringe a ingestão de alimentos que contenham farinha de trigo, aveia, centeio, cevada e malte. Quem é celíaco apresenta intolerância à proteína conhecida como glúten que compõe os cereais, eliminando do cardápio, além das massas tradicionais, a tradicional cervejinha gelada de domingo. Clique no título e leia mais…

Funcionamento de leis de mobilidade depende de fiscalização e empenho

Por Maria Fernanda Teixeira – O chão em que os cidadãos pisam, o cimento dos muros, as pedras da calçada, o piche do asfalto e a tinta que delimita as vagas dos carros estão em cima de um patrimônio público, por onde todos tem o direito de transitar. Aos poucos alguns espaços foram modelados para sustentar melhor os carros ou as pessoas. Clique no título e leia mais…

Funcionamento de leis de mobilidade depende de fiscalização e empenho

Por Maria Fernanda Teixeira – O chão em que os cidadãos pisam, o cimento dos muros, as pedras da calçada, o piche do asfalto e a tinta que delimita as vagas dos carros estão em cima de um patrimônio público, por onde todos tem o direito de transitar. Aos poucos alguns espaços foram modelados para sustentar melhor os carros ou as pessoas. Clique no título e leia mais…

Coleta de embalagens de agrotóxicos tem aumento de 11% em relação a 2010

Por Eduardo Godoy – Os agricultores brasileiros repassaram, de janeiro a setembro de 2011, 27.336 toneladas de embalagens de agrotóxicos para o destino ambientalmente correto, através da logística reversa, chamado Sistema Campo Limpo, segundo dados do InpEV. Em PG são recolhidos 10 mil toneladas diárias destes materiais. Clique no título e leia mais…

Coleta de embalagens de agrotóxicos tem aumento de 11% em relação a 2010

Por Eduardo Godoy – Os agricultores brasileiros repassaram, de janeiro a setembro de 2011, 27.336 toneladas de embalagens de agrotóxicos para o destino ambientalmente correto, através da logística reversa, chamado Sistema Campo Limpo, segundo dados do InpEV. Em PG são recolhidos 10 mil toneladas diárias destes materiais. Clique no título e leia mais…